Futebol Futebol

Premiacao champions league

Premiação da Champions League é dividida por fases; saiba qual valor é pago em cada etapa da competição

31 Jan | BY Betway Insider | MIN READ TIME |
Premiacao champions league

A Champions League é o maior torneio de clubes do mundo. A competição europeia reúne os clubes mais ricos, os maiores investimentos e os principais craques do planeta. Atletas de diversas idades e nacionalidades sonham em disputar e, claro, conquistar a tão famosa ‘orelhuda’, como é conhecida a taça. O prestígio para o campeão é esportivo e financeiro.

A tradição do torneio começou a ser construída em 1955, quando, ainda com o nome de Copa dos Campeões, foi disputada pela primeira vez. O vencedor foi o Real Madrid, que hoje, com 14 títulos, é o maior campeão da história. O clube madrilenho, aliás, é o atual detentor do título, tendo vencido o Liverpool na final da temporada 2021/22. De 1955 até aqui, foram 67 edições disputadas. A 68ª caminha para o início da fase de mata-mata, e terá a final decidida em Istambul, na Turquia, no dia 10 de junho.

Leia mais:

Quem chegar até lá terá, além da possibilidade de um título histórico, a garantia de bolso cheio. Na Champions League, a premiação é feita por fases. O caminho até Istambul, portanto, é como ir enchendo um cofrinho, que chega a valores extraordinários.

Champions League: qual é a premiação do torneio?

 

FASE PREMIAÇÃO (EM EURO)
Primeira fase 15,6 milhões
Cada vitória na 1ª fase 2,8 milhões
Oitavas de final 9,6 milhões
Quartas de final 10,6 milhões
Semifinal 12,5 milhões
Vice-campeão 15,5 milhões
Campeão 20 milhões

 

Disputar a fase de grupos da Champions League já é suficiente para garantir uma premiação em dinheiro. O prêmio por participar da primeira fase é de 15,6 milhões de euros (no início de 2023, isso é equivalente a R$ 86,6 milhões). Se o valor já é bom para essa etapa da competição, fica ainda melhor: a cada vitória na fase de grupos, a equipe recebe mais 2,8 milhões de euros; a cada empate, 930 mil euros.

Como são seis partidas, se um time tiver 100% de aproveitamento, terá acumulado, somente em ‘bônus’ por triunfos, 16,8 milhões de euros. Ao todo, o valor na primeira fase pode chegar a cerca de 32,4 milhões de euros (por volta de R$ 179,4 milhões). Como efeito de comparação, o Palmeiras, em 2022, ganhou R$ 45 milhões pelo título do Campeonato Brasileiro. O Flamengo, campeão da Libertadores do mesmo ano, embolsou por volta de R$ 125 milhões.

A participação nas oitavas de final da Champions League, quando tem início o mata-mata, rende 9,6 milhões de euros (R$ 53,1 milhões). Quem avança para as quartas de final recebe mais 10,6 milhões de euros (R$ 58,7 milhões). A vaga na semifinal vale 12,5 milhões de euros (R$ 69,2 milhões).

Os finalistas garantem, cada um, um valor de 15,5 milhões de euros (R$ 85,8 milhões). O campeão embolsa mais uma quantia de 4,5 milhões de euros (R$ 24,9 milhões). O valor total para uma equipe que seja campeã com 100% de aproveitamento chega a cerca de 85 milhões de euros (R$ 470,7 milhões). O último vencedor, o Real Madrid, embolsou por volta de 82,3 milhões de euros.

Onde será a final da Champions League?

Como visto no texto, a final da temporada de 2022/23 será disputada em Istambul, na Turquia – veja os principais palpites na Champions League. O estádio que receberá o confronto, sempre definido em partida única, será o Olímpico Atatürk, com capacidade para cerca de 75 mil torcedores. O campo foi inaugurado em 2002 e costuma receber jogos da seleção turca.

Será a segunda final de Champions League que o estádio, a cidade e o país recebem. A primeira foi em 2005, em uma decisão histórica entre Liverpool e Milan, que ficou conhecida e marcada para os torcedores dos Reds como ‘O Milagre de Istambul’.

Veja também:

O time italiano era favorito, e saiu na frente do placar logo no primeiro minuto, com gol de Maldini. Ainda na primeira etapa, o argentino Hernán Crespo anotou mais dois tentos. A partida foi para o intervalo com um placar de 3 a 0 para o Milan.

Na segunda etapa, quando a final parecia decidida, o Liverpool reagiu, e precisou de apenas seis minutos para empatar: aos 8 minutos, Gerrard fez o primeiro; aos 10, Smicer fez o segundo; e, aos 14, Xabi Alonso anotou o terceiro. O duelo seguiu assim até o fim e foi para a prorrogação. Quase no fim, Shevchenko teve a chance de colocar o Milan novamente à frente, mas o goleiro Dudek, em um milagre, evitou.

Nos pênaltis, o Liverpool, melhor mentalmente, venceu por 3 a 2 e ficou com a taça. O próprio Shevchenko desperdiçou a cobrança, além do brasileiro Serginho e do italiano Pirlo – Tomasson e Kaká converteram. Pelo lado dos ingleses, apenas Riise não fez o dele; Hamann, Cissé e Smicer balançaram a rede.

Dois anos depois, em 2007, os clubes se reencontraram em uma final, disputada na Grécia, e o Milan, em quase uma ‘revanche’, venceu por 2 a 1, conquistando o título e consagrando Kaká como melhor jogador do mundo naquela temporada.

Qual clube vai conquistar a Europa na temporada 2022/23? Acesse nosso site e faça suas apostas na Champions League.

TAGS
Betway Insider

Betway Insider

The Insider is an editorial blog for Betway, one of the best betting sites, featuring sporting insight, intelligent comment and informed betting tips for football betting and all other major sports.

Betway Insider

Betway Insider

The Insider is an editorial blog for Betway, one of the best betting sites, featuring sporting insight, intelligent comment and informed betting tips for football betting and all other major sports.