A força do Real Madrid na Espanha e na Europa, especialmente na Champions League, é indiscutível na comunidade do futebol. O clube merengue não é só considerado um dos maiores do Velho Continente, como também é visto por muitos torcedores pelo mundo como o maior time do planeta.

Contribui para tal tese a força da marca do Real como um todo, a estrutura do clube para o futebol e o poderio financeiro, além da tradição e os muitos títulos. O Real é o maior campeão espanhol (são 34 taças de La Liga) e da Liga dos Campeões da Europa, com 13 troféus, e está muito acima nesse segundo quesito, se comparado às outras potências europeias – o próprio rival Barcelona, Bayern de Munique, Liverpool, Milan e por aí vai.

Recentemente, na fase de grupos da Champions de 2021/22, o Real Madrid atingiu uma marca histórica: o clube espanhol chegou a 1000 gols na maior competição de clubes do mundo. O número por si só já é impressionante, mas simboliza uma série de estatísticas que os merengues lideram quando o assunto é Liga dos Campeões.

A façanha do milésimo gol ficou responsável pelo atacante Karim Benzema. O francês e ídolo na equipe da capital balançou a rede duas vezes na vitória (2 a 1) contra o Shakhtar Donetsk, fazendo com que o time chegasse aos quatro dígitos na história. O número total de gols leva em consideração o atual modelo Champions League e o anterior, quando o campeonato era chamado de Copa do Campeões.

“Um orgulho sempre. É o gol mil deste clube, que para mim é o melhor clube do mundo. Então sempre vou estar aqui, muito contente e muito feliz”, disse Benzema, ao canal oficial do Real, após atingir a marca. O Bayern de Munique, segundo time com mais tentos na Champions, se aproxima da marca dos 800 gols. Ou seja, está distante dos espanhóis.

A seguir, veja um raio-x dos 1000 gols do Real Madrid na Champions League e alguns dos recordes do clube merengue na competição máxima da Uefa.

Real Madrid: recordes na Champions League

Mais títulos

O Real Madrid sempre esteve na dianteira dos times com mais títulos da Champions League. Quando a combinação com Cristiano Ronaldo entrou em ação, o clube disparou. A união do maior jogador da história do torneio com o time mais vencedor na Europa resultou em quatro troféus aos merengues – sendo três deles de forma consecutiva com Zidane no comando do time –, que chegaram a 13 conquistas.

Desta forma, o time da capital Madri disparou na liderança da Liga dos Campeões. O segundo maior vencedor da história é o Milan, com 7 títulos. A equipe italiana está em baixa há no mínimo uma década e não dá pintas de que voltará a vencer a competição em breve. Bayern de Munique e Liverpool (6 taças) têm potencial para assumir a vice-liderança do time rossonero em breve.

Mais participações

O Real é muito soberano na Espanha. Apenas o Barcelona e o Atlético de Madri conseguem fazer força ao clube merengue, mas ainda assim o Santiago Bernabéu é o estádio com mais troféus de La Liga no país. São 34 títulos do Campeonato Espanhol, contra 26 do Barça, e campanhas quase ‘contínuas’ entre os times que se classificam para a Liga dos Campeões.

Desta forma, o Real soma 47 participações em 66 edições da Champions League, e lidera essa estatística entre todos os times da Europa. O Benfica, que é soberano em Portugal, tem 41 participações no campeonato e fica com a segunda colocação.

Mais jogos

Com a maior participação do continente na Champions League, o Real já se lançaria como candidato à equipe com mais jogos no torneio. O sucesso em campo, que rende o recorde de títulos (13), dá chances ainda maiores ao clube, que já passou de 450 partidas na Liga dos Campeões. O Bayern de Munique tem a segunda colocação, mas está ainda na casa dos 370 jogos.

Mais vitórias, empates e derrotas

O clube merengue tem mais participações, mais jogos e amplia os números sendo o time com mais vitórias, empates e também derrotas na Champions. São mais de 270 triunfos, quase 80 resultados iguais e pouco mais de 100 derrotas. Esta última não é uma estatística positiva, é claro, mas é o ‘preço’ por ser a principal equipe do torneio.

Real Madrid: 1000 gols na Champions

Cristiano Ronaldo é maior artilheiro merengue

O astro português Cristiano Ronaldo parece que nasceu para jogar a Liga dos Campeões. O atacante é ‘viciado’ em balançar as redes na competição e é o maior artilheiro da história do torneio europeu.

A maior parte dos gols na Champions foi feita com a camisa do Real Madrid: no total, CR7 tem 105 tentos com a camisa merengue, ou seja, 10% dos gols do clube no torneio até o momento, superando qualquer outro atacante que já passou pelo Santiago Bernabéu. Como se não bastasse, o português também se tornou o maior goleador do time na história (451 gols).

Pelo Real, Cristiano conseguiu dominar o ‘pódio’ de atletas com mais gols em uma única edição da Liga dos Campeões. A edição de 2013/14 foi o auge.

A segunda colocação no ranking do Real na Champions é de Raúl, que balançou a rede em 66 oportunidades, mas o francês Benzema está muito perto de assumir o posto. O líder ofensivo do time merengue atual está com 64 gols e em breve assumirá a segunda colocação.

Casillas, o que mais jogou pelo Real

Cristiano Ronaldo tem 105 gols pelo Real Madrid na Champions League em impressionantes 101 jogos. A média acima de um tento por jogo é absurda. Mas, em quantidade de participações em campo, o ídolo Iker Casillas lidera. O goleiro defendeu o Real em 152 partidas da Liga dos Campeões e foi campeão de três edições do torneio.

Você tem acesso a todos os jogos do maior campeonato de clubes do mundo na Betway. Visite o nosso site e aproveite para fazer suas apostas na Champions League.