Rafael Nadal estará em Montreal para defender seu título no torneio ATP Masters 1000, com a fase qualificatória da Rogers Cup 2019 marcada para 3 de agosto. O início oficial do torneio será dois dias depois, no dia 5. O pentacampeão do torneio vai tentar conquistar seu 35º troféu de Masters 1000. Ele é, atualmente, o recordista de Masters na história do tênis masculino, se isolando na liderança de conquistas deste torneio ao vencer o Masters de Roma, em maio.

Os primeiros cinco torneios Masters 1000 da temporada de 2019 foram ganhos por diferentes jogadores, e o campeão da edição de 2017 da Rogers Cup, Alexander Zverev, tentará continuar essa tendência da temporada atual. Também estarão presentes dois campeões de Masters 1000 de primeira viagem, com Dominic Thiem, que venceu a edição de Indian Wells, e Fabio Fognini, que foi campeão em Monte Carlo. Além deles, vários tenistas do Top 10 estarão presentes, como Stefanos Tsitsipas, Kei Nishikori, Karen Khachanov e Daniil Medvedev.

Quem não estará presente é o sérvio Novak Djokovic, que se retirou do torneio na semana passada, para descansar após vencer o Grand Slam de Wimbledon. Roger Federer também se retirou do torneio este ano, já que o ex-bicampeão também faz uma pausa prolongada após sua corrida para a final de Wimbledon. O finalista de 2009, Juan Martin del Potro, foi forçado a se retirar do torneio, enquanto continua sua recuperação de uma cirurgia. Enquanto isso, o tricampeão Andy Murray ainda não está pronto para voltar à ação, embora o ex-número 1 do mundo esteja se aproximando cada vez mais de um retorno às competições.

O trio de canadenses Milos Raonic, Felix Auger-Aliassime e Denis Shapovalov são as esperanças de título da torcida da casa. Raonic chegou à final em Montreal na temporada de 2013, quando perdeu para Nadal. Já Shapovalov surpreendeu o mundo ao eliminar o mesmo Rafael Nadal em 2017, tornando-se o mais jovem semifinalista de Masters 1000 da história, com apenas 17 anos. No começo do ano, Shapovalov e Auger-Aliassime chegaram às semifinais no Miami Open.

OS PRINCIPAIS CANDIDATOS AO TÍTULO

Rafael Nadal é o favorito pré-torneio este ano. A busca do craque espanhol para defender seu título esta semana foi facilitada pelas desistências de Djokovic e Federer, e Nadal está chegando em grande forma. Ele venceu o último evento Masters em Roma, em maio, e venceu 17 de seus últimos 18 jogos. No entanto, o atual campeão nunca defendeu com sucesso um título em uma quadra de piso duro, sendo este um dos poucos tabus na vitoriosa carreira do tenista espanhol. Será que podemos apostar que ele conseguirá este feito inédito?

O craque alemão Alexander Zverev está em uma série de cinco vitórias consecutivas em Montreal. Ele venceu este torneio na última vez que a Rogers Cup foi realizada na cidade, em 2017. Zverev, no entanto, tem tido dificuldades ao longo da temporada, sendo derrotado em 3 dos últimos 4 jogos em quadras de piso duro.

Enquanto isso, Stefanos Tsitsipas foi o vice-campeão do ano passado, quando perdeu para Rafael Nadal por 2 sets a 0, com parciais de 6-2 e 7-6, após 4 tie-breaks. O craque grego chegou a duas finais de Masters até agora em sua carreira, e parece ser apenas uma questão de tempo até ele colocar suas mãos em um desses títulos.

As estrelas canadenses Felix Auger-Aliassime e Milos Raonic podem ser os maiores adversários de Rafael Nadal para o título, já que ambos pretendem se tornar o primeiro canadense a conquistar este título em mais de 60 anos. Felix Auger-Aliassime, em particular, desfrutou de uma temporada fantástica até aqui. O adolescente chegou às semifinais do Masters de Miami em março e vem melhorando a cada partida. Raonic, por outro lado, chegou à final da Rogers Cup no passado, mas ele tem tido grandes dificuldades ao longo de sua carreira em superar este limite. Outro problema para ele é que sua fase não é tão boa quanto há alguns anos. Mesmo com apenas 28 anos, o nível de Raonic tem caído consistentemente, e seu auge parece ter ficado para trás, sem grandes conquistas.

Nossa aposta de campeão no Masters 1000 de Montreal está no Espanhol Rafael Nadal. Acreditamos que ele fará a final contra Zverev, e vencerá com certa tranquilidade. Também apostamos que Nadal e Zverev eliminarão Tsitsipas e Auger-Aliassime nas semifinais, com o canadense se firmando como principal esperança do futuro do tênis no país.

 

Concorda com nossa análise? Ou prefere apostar em outro tenista para o título do Masters 1000 de Montreal? Acesse nossa página de apostas em tênis e diga para nós quem será o vencedor deste ano!