Existem milhões de atletas em todo o mundo competindo no mais alto nível em seus respectivos esportes. Eles conquistaram uma base de fãs enorme e devotada: seja para si próprios, se estiverem em esportes solo como o boxe, ou para o time que representam.

Mas as pessoas tendem a ser atraídas por talentos de ponta que provam estar entre os melhores em seu esporte.

Há, no entanto, uma grande diferença entre ser muito talentoso e se tornar uma superestrela global. Alguns dos esportistas mais talentosos e bem-sucedidos do mundo não conseguiram alcançar o escalão superior do estrelato.

Então, estamos aqui para descobrir o que é preciso para atingir esse pico.

Sucesso em um esporte popular e global

O talento não leva necessariamente ao sucesso. Como visto muitas vezes nas principais ligas esportivas americanas, grandes jogadores podem ficar eternamente presos a times ruins.

Devido à forma como o sistema de recrutamento funciona, as piores equipes recebem os melhores jogadores percebidos a cada ano. Se os times não continuarem a construir uma equipe em torno desses talentos, não ganharão nada.

O número limitado de troféus nas principais ligas americanas também limita o número de atletas que podem ter sucesso a cada ano.

Na NHL, Marcel Dionne e Mats Sundin nunca ganharam a Copa Stanley. Na NFL, Dan Marino e Barry Sanders nunca ganharam o Super Bowl. Na MLB, Ted Williams e Ken Griffey Jr nunca venceram a World Series. Na NBA, Reggie Miller e Karl Malone nunca ganharam o campeonato da NBA. Até mesmo no futebol, Ronaldo e Buffon nunca ganharam uma Liga dos Campeões e Zico nunca venceu uma Copa do Mundo.

O primeiro passo para se tornar uma superestrela do esporte global é jogar em um esporte assistido ou conhecido globalmente. O futebol tem um apelo global imenso.

Embora o futebol americano seja isolado, sua publicidade agressiva e sua propaganda tornam suas estrelas relevantes em todo o mundo. Depois de mostrar talento, o esportista deve ganhar troféus para provar sua habilidade nas maiores ocasiões.

É para os desportistas solo que os elogios se tornam mais importantes, pois tudo se deve ao seu próprio trabalho. No boxe, Manny Pacquiao conseguiu se tornar um superastro global por meio de sua habilidade de garantir o recorde de campeão mundial em oito divisões.

Capacidade de fazer o inesperado

O esporte é um meio de entretenimento. As pessoas comparecem para assistir as equipes e desportistas participarem porque isso lhes traz muitas emoções, como alegria, tristeza, raiva e prazer.

Para um participante ascender de atleta a superstar global, ele deve possuir um grande talento e uma aura de imprevisibilidade.

A partir do momento em que ele mostra seu talento para ser imprevisível, os fãs esperam que eles façam algo inesperado a cada performance.

No geral, as lesões e uma equipe ruim têm prejudicado Odell Beckham Jr na NFL. No entanto, a lendária recepção com uma mão no clássico contra o Dallas Cowboys e inúmeras outras explosões de brilho do nada o marcaram como uma superestrela global capaz de fazer o que aparentemente é impossível.

Cristiano Ronaldo, por outro lado, é considerado um dos melhores jogador do mundo há muito tempo, mas foi seu incrível chute livre contra o Portsmouth em 2008 que o marcou como uma estrela global.

Carismático e capacidade de se conectar com as pessoas:

O carisma é uma parte importante de qualquer pessoa que se torne uma superestrela global, independentemente de sua profissão. Para atingir o status de celebridade, um esportista deve ser falador quando chamado e dizer as coisas certas.

Antigamente, entrevistas em revistas e na televisão eram as únicas maneiras de a maioria dos fãs vivenciar o carisma das estrelas do esporte. Hoje em dia, as redes sociais permitem que os fãs sigam as estrelas do esporte em tudo o que fazem, ficando ainda mais viciados em seu carisma.

Cristiano Ronaldo é de longe o atleta mais seguido no Instagram, com mais de 235 milhões de seguidores. Lionel Messi está em segundo lugar, com mais de 162 milhões de seguidores. Neymar está logo atrás, com mais de 140 milhões.

O carisma pode levar um esportista ao estrelato global, como mostrado por David Beckham. O jogador aposentado tem o quarto maior número de seguidores de qualquer atleta, com 63 milhões no Instagram.

Ajuda se for fotogênico

Existe a expectativa de que os esportistas estejam em forma, devido à sua profissão. Mas não há dúvida de que também ser um belo ser humano os ajuda a se tornarem ainda mais populares se forem talentosos em seu esporte.

Sucesso, habilidade e dinheiro são fundamentais, mas a maioria dos esportistas que se tornam superestrelas globais são bonitos.

Eles são quem as pessoas querem ser e com quem os outros querem estar. É a razão pela qual muitas pessoas vão assistir aos jogos ao vivo, inclinar-se para apoiá-los nas apostas ao vivo e segui-los nas redes sociais.

Apelo para bases de fãs específicas

A ascensão em um esporte para se tornar uma superestrela global requer o apoio inicial dos fãs originais do atelta. Quem acompanha um esporte tem certas expectativas sobre a conduta de seus profissionais, em sua maioria.

É muito dependente do esporte. Na NFL, os fãs tendem a ser atraídos por personalidades enigmáticas, grandes e barulhentas. Aqueles com celebrações elaboradas para touchdowns e que mostram agressividade tendem a chamar a atenção.

No hóquei no gelo, apesar da fisicalidade e permissão para lutar no esporte, os fãs convergem enormemente em estrelas humildes e de pensamento claro.

Quando se trata de grandes jogos, quando as temperaturas estão altas, os fãs vão procurar times com as estrelas mais calmas e inteligentes para as apostas no hóquei no gelo.

O boxe está em uma fase mista nesse sentido. À medida que mais pessoas começam a seguir o esporte e esperam violência e personalidades impetuosas, esses tipos de estrelas estão se tornando populares novamente.

Em sua maioria, fãs de esporte mais experientes tendem a se inclinar para talentos menos expressivos como Anthony Joshua e Katie Taylor, bem como aqueles que mostram respeito em coletivas de imprensa.

Gente como Deontay Wilder e Jarrell Miller têm fãs que gostam de suas personas arrogantes e dão uma olhada nos mercados de boxe. No entanto, as estrelas mais populares do boxe moderno são aqueles que provam sua habilidade e são respeitosos.

Apelo a grandes marcas

Tendo conquistado uma enorme base de fãs dentro de um esporte, os esportistas podem dar o próximo passo ao buscarem uma associação a uma marca. As marcas procuram patrocinar estrelas do esporte muito queridas e reconhecidas para promover seus produtos.

Por sua vez, por estarem na publicidade, os esportistas ganham ainda mais fama à medida que mais pessoas os veem e os reconhecem, associando-os a grandes marcas.

Sempre que olhamos para os mercados de artilheiros das apostas de futebol, sua mente vagueia para nomes como Lionel Messi, Cristiano Ronaldo e Neymar. Todos os três estão entre os cinco atletas mais bem pagos do mundo.

Para uma estrela do esporte transcender o esporte e se tornar uma superestrela global, ela precisa de mais do que talento. Eles precisam de sucesso, talento, carisma, a personalidade certa para atrair sua base de fãs principal e ainda mais reconhecimento por meio de patrocínio.

 

Acesse nossa página de apostas esportivas e divirta-se com as melhores probabilidades do mercado!