O Manchester United se tornou a grande atração da Premier League 2021/22 depois das contratações de Cristiano Ronaldo, Jadon Sancho e Varane. Todo mundo quer ver o astro português novamente atuando na Inglaterra e os outros dois nomes de peso em ação. Mas, além dos Red Devils, um clube chama a atenção: o Brentford, de volta à elite do futebol inglês depois de 74 anos.

Fundado em 1889, o Brentford Football Club é um dos pioneiros da modalidade na Inglaterra, que inventou o futebol, e tem uma história interessante ainda na era amadora, antes dos anos 1920.

A última vez em que o Brentford esteve na elite do futebol inglês foi na temporada 1946/47, quando o país e a Europa, como um todo, ainda calculavam os danos e tentavam se recuperar da Segunda Guerra Mundial.

Dentro deste cenário de 74 anos, o Brentford também está estreando na Premier League. A liga dos times ingleses, criada em 1992, nunca havia sido disputada pelo clube de Londres; a capital conta pelo menos com três grandes forças no campeonato: Arsenal, Chelsea e Tottenham.

Por falar nos rivais de cidade, o Brentford já deu seus primeiros passos na Premier League fazendo história. A equipe inaugurou sua participação na temporada 2021/22 com uma vitória por 2 a 0 diante do Arsenal.

Os comandados de Thomas Frank garantiram os primeiros três pontos da história do clube na Premier League com gols de Canós e Norgaard. Os 16 mil presentes no Brentford Community Stadium vibraram bastante, é verdade, mas vale pontuar que os Gunners estavam bastante desfalcados e com um time alternativo: Gabriel Magalhães, Thomas Partey e Aubameyang nem foram para a partida.

Estes foram os primeiros passos do Brentford, que luta para permanecer por mais tempo na Premier League e colocar mais um nome de expressão no futebol de Londres. Abaixo, conheça a história do clube e como ele voltou à elite da Inglaterra após 74 anos nas divisões inferiores.

Brentford: início no futebol amador

media Fonte: ADRIAN DENNIS/AFP via Getty Images

Fundado ainda no século XIX, o Brentford frequentou alguns campeonatos amadores no início de sua história em ligas londrinas e na conferência nacional -- nos primeiros anos, o futebol inglês era dividido em torneios no Norte e no Sul. Em 1920, o clube conseguiu um acesso para a Football League, então liga profissional da Inglaterra, que respondia pela organização das quatro divisões do esporte local.

Depois de 13 anos, o Brentford chegou à segunda divisão, em 1933. O acesso para a elite aconteceu em 1935, quando o time de Londres venceu o campeonato. Entre as melhores equipes do país, as ‘Abelhas’ atingiram o auge na temporada 1935/36, com um quinto lugar no futebol de elite.

Foi a melhor colocação na história do clube, que caiu de rendimento nos anos seguintes e não resistiu ao rebaixamento na temporada 1946/47.

Anos de jejum nas divisões inferiores da Inglaterra

media Fonte: ADRIAN DENNIS /AFP via Getty Images

 

Depois de cair para a segunda divisão na temporada 1946/47, o Brentford viveu um ciclo que parecia interminável nas séries B, C e D do futebol inglês. Ele terminou e, depois de 74 anos, o clube londrino conhece o que é a Premier League.

Mas, o que aconteceu durante esse longo período afastado da divisão de elite? O Brentford se revezou entre campanhas na segunda, terceira e quarta divisão, sem muita força e expressão no futebol nacional.

Vale destacar, porém, que o clube nunca foi rebaixado para a quinta divisão. A partir dessa fase, o futebol inglês é dividido por conferências (enfrentamentos regionais).

Em sua história, o time tem um título da Championship (segunda divisão), em 1934/35; dois da League One (terceira divisão), em 1932/33 e 1991/92; e, por fim, três taças da League Two (quarta divisão): 1962/63, 1998/99 e 2008/09.

Brentford passa por transformação a partir de 2012

O retorno do Brentford à primeira divisão aconteceu na temporada passada, depois de o clube londrino vencer o Swansea nos playoffs da Championship. O feito foi histórico e levou os torcedores ao delírio, mas foi resultado de uma transformação que começou ainda em 2007.

Naquele ano, o empresário Matthew Benham investiu 700 mil dólares no clube, com preferência de compra da instituição caso o dinheiro não fosse integralmente devolvido. Cinco anos depois, em 2012, quando o time jogava a terceira divisão, Benham se tornou o acionista majoritário.

Mais do que o aporte financeiro, Matthew Benham revolucionou a gestão do clube. Formado em finanças pela Universidade de Oxford, ele tinha no currículo a experiência como vice-presidente do Bank Of America, dos Estados Unidos. Ele largou a carreira no banco para investir em apostas esportivas e obteve um bom retorno.

Seu método é analisar o esporte por meio de muita estatística, dados e algoritmos, filosofia que passou a ser adotada no clube. Ele também utiliza o trabalho de estatísticas, com análise de desempenho, para mapear o mercado da bola e fazer contratações.

Deu certo: cerca de oito anos depois de Matthew Benham assumir o comando geral e implementar seus métodos no futebol, o time se reconstruiu, se reforçou e conseguiu retornar à elite do Campeonato Inglês. Foram 74 anos de espera e agora o Brentford virou uma das atrações da Premier League na temporada.

Todos os jogos da maior liga do mundo estão na Betway. Conheça nosso site e aproveite para fazer apostas na Premier League.