A Libertadores é um dos campeonatos mais difíceis do mundo. O torneio, que reúne times da América do Sul, é disputado desde 1960. A edição atual é, portanto, a 63ª da história. O torneio, conhecido como ‘a glória eterna’, virou sonho de consumo dos clubes.

No Brasil, especialmente, a ‘Liberta’, como é carinhosamente chamada pelos torcedores, é extremamente valorizada. Dez times brasileiros já venceram o torneio, somando 21 títulos – a Argentina lidera, com 25.

Dentre os brazucas, dois clubes conseguiram ser campeões invictos da Libertadores, sem perder nenhum jogo na edição: o Santos de 1963 e o Corinthians de 2012. Outros, porém, emplacaram sequências de jogos sem derrota. Veja, a seguir, a lista das maiores invencibilidades da história da Libertadores.

media

Atlético-MG (18 jogos)

O Atlético-MG é o atual dono da maior sequência de invencibilidade da história da Libertadores. O Galo, entre 2019 e 2022, na atual temporada, ficou 18 jogos sem perder no torneio continental. A primeira vitória neste período aconteceu na última rodada da fase de grupos de 2019, quando o clube foi eliminado. Em 2021, foram 12 partidas sem perder (a eliminação para o Palmeiras, na semifinal, aconteceu após dois empates, pelo critério de gol fora de casa). Em 2022, o Atlético-MG ficou invicto nos cinco primeiros jogos, mas perdeu para o Tolima, em maio, encerrando o recorde.

Flamengo (17 jogos)

O Flamengo, que foi campeão da Libertadores em 2019, iniciou, no ano seguinte, uma sequência de 17 partidas sem derrota. A série invicta começou na quarta rodada da fase de grupos de 2020. Naquela edição, o Mengão foi eliminado para o Racing, nas oitavas de final, nos pênaltis, após dois empates por 1 a 1. Em 2021, a invencibilidade se manteve e durou até a final, quando o time carioca foi derrotado pelo Palmeiras, na prorrogação, por 2 a 1.

Sporting Cristal (17 jogos)

O Sporting Cristal, do Peru, nunca ergueu a taça da Libertadores – veja quais países nunca tiveram um time campeão. A melhor colocação da equipe foi o vice-campeonato de 1997, quando perdeu a final para o Cruzeiro. Porém, entre 1962 e 1969, ainda nos primórdios da competição, o time conseguiu o feito histórico de ficar 17 partidas sem nenhuma derrota.

Corinthians (16 jogos)

O Corinthians foi campeão da Libertadores em 2012 pela primeira vez na história. Naquele ano, a equipe, então comandada por Tite, hoje na seleção brasileira, levantou a taça de forma invicta, vencendo oito duelos e empatando seis. A sequência, portanto, foi levada para a temporada seguinte, de 2013. A invencibilidade de 16 jogos foi quebrada, porém, ainda na fase de grupos, na derrota por 1 a 0 contra o Tijuana, do México. O Timão foi eliminado nas oitavas de final, contra o Boca Juniors. O clube, hoje comandado por Vítor Pereira, vai enfrentar os argentinos novamente nas oitavas nesta temporada.

América de Cali (15 jogos)

O América de Cali, da Colômbia, aparece na lista por ter uma sequência invicta de 15 jogos da Copa Libertadores, entre 1980 e 1983. Nesse período, o clube foi semifinalista em duas oportunidades. Ainda na década de 80, em 1985, 1986 e 1987, foi vice três vezes consecutivas – saiba qual cidade recebeu mais finais do torneio. Também amargou uma derrota na final em 1996. A equipe, vale destacar, mesmo batendo na trave por quatro vezes, nunca foi campeã do continente.

Invencibilidade de 14 jogos

Quatro equipes possuem uma sequência de 14 jogos de invencibilidade. O River Plate, da Argentina, conseguiu o feito em duas oportunidades. A primeira foi em 1977 e 1978. A segunda, mais recente, entre 2018 e 2019. Em 18, o River foi campeão da Libertadores na final disputada contra o rival Boca Juniors. Em 19, a equipe novamente chegou à decisão, mas dessa vez perdeu para o Flamengo.

O Newell's Old Boys, também da Argentina, ficou 14 confrontos sem perder em 1992. Naquela ocasião, o time foi vice-campeão diante do São Paulo, que conquistou o, até então, título inédito. Com Telê, o Tricolor foi bicampeão e virou potência mundial; veja como.

Entre 1998 e 2004, o Cruzeiro também não perdeu em 14 partidas jogando a Libertadores. O time mineiro havia conquistado a taça um ano antes, em 1997, a segunda de sua história, já que foi campeão pela primeira vez em 1976. A Raposa ainda foi vice-campeã duas vezes: 1977 e 2009.

Palmeiras pode virar recordista

O Palmeiras, que está na disputa atual da Libertadores, não perde há 14 jogos, e é o único clube da lista que pode aumentar a sequência, já que segue invicto e passará a disputar o mata-mata da competição em breve. Campeão em 2020 – veja o valor de premiação –, o time de Abel Ferreira iniciou esse período de invencibilidade em 2021, quando também foi campeão, na última rodada da fase de grupos.

Na atual temporada, o Verdão liderou a fase de grupos, fazendo a melhor campanha – não só da edição, mas, também, de toda a história. Teve 100% de aproveitamento, com 25 gols em seis jogos, uma média de 4,17 tentos por partida. O clube somou 18 pontos (outros já haviam conseguido, mas o Alviverde superou todos no saldo de gols). As 25 bolas na rede são um recorde nessa etapa da competição. O segundo colocado no ranking dos times que mais marcaram é o River Plate, que fez 21 gols em 2020. O Palmeiras, vale destacar, é, ao lado do São Paulo, o time brasileiro que mais chegou em finais da Libertadores.

Falta pouco para começar o mata-mata do torneio continental. Acesse nossa página na Betway e faça suas apostas na Libertadores.