Considerado o estadual mais charmoso do Brasil, o Campeonato Carioca é também um dos torneios regionais mais disputados do país. Por isso, desde que começou a ser disputado, em 1906, serviu de palco para diversos craques do futebol brasileiro desfilarem seus talentos pelo Rio de Janeiro.

Por lá, já fizeram história Zico, Romário, Roberto Dinamite. O trio, que marcou época na seleção pentacampeã do mundo ao longo da carreira, está entre os 10 jogadores que mais balançaram as redes no Campeonato Carioca.

Abaixo, veja o top-10 artilheiros de todos os tempos do Estadual do Rio de Janeiro e aproveite para conferir o gráfico.

media

10 – Zizinho: 153 gols

O primeiro nome da lista é Ziznho. O atacante, que jogou nas décadas de 1940 e 1950, brilhou com a camisa do Flamengo. Considerado o sucessor de Leônidas da Silva e o antecessor de Pelé, o atleta também teve destaque na Copa do Mundo de 1950, quando o Brasil foi vice-campeão atuando em casa. O Rei do Futebol o tinha, inclusive, como referência.  

Com as camisas do Flamengo, clube em que se tornou ídolo, e do Bangu, anotou 153 gols no Campeonato Carioca. O dom de ir às redes com facilidade o fez ser o maior jogador da história rubro-negra pré-Zico. Ele foi o artilheiro do campeonato de 1952.

9 – Luizinho Lemos: 156 gols

O nono colocado na lista histórica de artilheiros do Carioca é Luizinho Lemos. O atacante rodou pelo Rio (teve passagens por Flamengo, Botafogo, Americano e América) nas décadas de 1970 e 1980 e é até hoje um dos maiores ídolos do América: só no Mecão, ele fez 311 gols.

Quando o assunto é estadual, Luizinho Lemos foi às redes 156 vezes. Ele ainda deixou seu nome registrado na competição como artilheiro das edições de 1974 e 1983.

8 – Russinho: 164 gols

No início do século XX, um jogador marcou época na rica história do Vasco da Gama. Russinho, que começou a carreira no extinto Andarahy, chegou ao Cruz-maltino e fez bastante sucesso: foi o primeiro jogador a fazer os gols de número 50, 100 e 200 do Vasco.

Na década de 1930, Russinho defendeu o Botafogo, finalizando suas ações no Campeonato Carioca com 164 gols. Foi artilheiro das edições de 1929 e 1931.

7 – Carvalho Leite: 166 gols

Atacante do Botafogo nas décadas de 1930 e 1940, Carvalho Leite foi um dos grandes da posição no período. Ao longo dos 12 anos de carreira, vestiu apenas a camisa do Glorioso, clube em que fez 261 gols -- é o segundo maior artilheiro do clube.

No Campeonato Carioca, o jogador foi às redes 166 vezes, marcando o nome na competição com três artilharias (1936, 1938 e 1939).

6 – Ladislau da Guia: 172 gols

O primeiro título carioca do Bangu teve uma parcela bem generosa de contribuição de Ladislau da Guia. O atacante, que defendeu o clube na conquista de 1933, é o maior artilheiro do tradicional time carioca, com 222 gols.

Irmão de Domingos da Guia e tio de Ademir da Guia, um dos maiores jogadores da história do Palmeiras, Ladislau recebeu alguns apelidos na época em que empilhava tentos no Campeonato Carioca. O “Tijoleiro”, como era conhecido por conta dos chutes potentes, fez 172 no Estadual. O artilheiro de 1930 e de 1935 também defendeu Flamengo, Vasco e Canto do Rio no estado.

5 – Nilo: 196 gols

Nilo é mais um craque que ajudou a construir a ‘gloriosa’ história do Botafogo a estar entre os 10 maiores artilheiros do Campeonato Carioca de todos os tempos. Depois de um curto período no Fluminense, ele se mudou para o lado alvinegro do estado e anotou a maioria dos 196 gols que fez no estadual.

O jogador, que defendeu a seleção brasileira na Copa de 1930, também jogou pelo extinto Sport Club Brasil e foi artilheiro das edições de 1924, 1927 e 1933.

4 – Ademir de Menezes: 197 gols

Revelado pelo Sport, o pernambucano Ademir de Menezes chegou ao Rio de Janeiro em 1942, contratado pelo Vasco da Gama. A trajetória no RJ foi de sucesso, com passagem ainda pelo Fluminense e um retorno ao Cruz-maltino.

Autor de 197 gols no Campeonato Carioca, Menezes ficou conhecido como primeiro “ponta de lança” do futebol brasileiro, nome dado ao jogador que atua mais pelas beiradas e explora a velocidade. Foi o maior goleador dos torneios de 1949 e 1950.

3 – Romário: 233 gols

media Fonte: VANDERLEI ALMEIDA / AFP Via Getty Images

O primeiro jogador mais recente da lista é Romário. Campeão da Copa do Mundo em 1994, o Baixinho foi um dos melhores da posição e um dos mais talentosos dentro da área. Com as camisas de Vasco, Flamengo e Fluminense, o jogador passou de duas centenas: 233 gols no total.

Além de abrir o top-3 da lista, Romário é o recordista em artilharias no Campeonato Carioca. Foram sete troféus do atleta que passou dos 1000 gols na carreira: ele terminou no topo do Carioca em 1986, 1987, 1996, 1997, 1998, 1999 e 2000

2 – Zico: 239 gols

media Fonte: Mark Leech/Offside / Offside via Getty Images

Maior ídolo e artilheiro da história do Flamengo, com 509 gols, o Galinho ocupa um espaço importante no Campeonato Carioca. Ele é o segundo jogador que mais balançou as redes na competição, com 239 tentos.

O camisa 10, considerado um dos melhores jogadores de todos os tempos, fazia cobranças de falta parecerem fáceis e era um verdadeiro pesadelo para os goleiros adversários. Ele foi artilheiro da competição cinco vezes.

1 – Roberto Dinamite: 284 gols

media Fonte: ANTONIO SCORZA / AFP Via Getty Images

Roberto Dinamite tinha tanto talento para colocar a bola na rede que até hoje é o maior artilheiro das principais competições que disputou, entre 1971 e 1993. Além do Carioca, em que lidera a lista com incríveis 284 tentos, o ídolo do Vasco da Gama registra a maior marca de gols no Campeonato Brasileiro: 190 no total. O atacante, que foi artilheiro do Carioca em três oportunidades, também é recordista em participações, já que esteve presente em 22 edições.

O Campeonato Carioca segue a todo vapor, desta vez com disputa por pontos corridos. Quem terminará a primeira fase na liderança? Conheça a Betway e faça apostas esportivas!