Confira as dicas essenciais que você precisa levar em consideração para apostar em Itália x Inglaterra, domingo (11), às 16h, na final da Eurocopa. O duelo acontecerá no Estádio de Wembley, em Londres, e tem a seleção “da casa”, a Inglaterra, como favorita.

Agora que você terá as melhores dicas da decisão da Euro, é só reunir os palpites, visitar a página Eurocopa bets e fazer suas apostas! 

Pensando em facilitar esse processo, confira abaixo dicas que você precisa saber para definir a sua estratégia de aposta.

Decisão em Wembley: Inglaterra vence

Em busca do primeiro título de Eurocopa da sua história, a Inglaterra vai ter a maioria do apoio no Estádio de Wembley, na Grande Londres, para conquistar a taça que falta em sua galeria.

Mais do que a ‘forcinha’ local, o time de Gareth Southgate é favorito ao troféu por ser o mais sólido do torneio: não havia sofrido nenhum gol até a semifinal, em que levou um golaço de falta da Dinamarca. É, portanto, a seleção com mais clean sheets (partidas sem ser vazado) da Euro-2020: 5 de 6 jogos.

Em paralelo, as seleções têm campanhas idênticas: em 6 jogos, são 5 vitórias e 1 empate, e a Itália será o adversário mais difícil dos ingleses no campeonato.

Menos de 2.5 gols

É bem provável que a decisão em Wembley tenha menos do que 2.5 gols. Com média de 2 gols por partida, a Itália tem o segundo melhor ataque da competição, mas irá pegar a melhor defesa do campeonato: como citado acima, os ingleses sofreram apenas um gol até o momento.

Por outro lado, a zaga italiana é também muito boa. Chiellini e Bonucci comandam a linha defensiva que só levou 3 gols ao longo da Eurocopa deste ano. Será o duelo de bons ataques contra incríveis defesas, em uma final, que já costuma ser tensa e estudada.

Kane e Sterling vs jogo coletivo italiano

Vice-artilheiro da Eurocopa com 4 gols, Harry Kane é o grande nome da seleção inglesa na atualidade. Na Euro-2020, tem se destacado também o ponta Sterling. Jogadas e lances de efeito e dribles fazem o atleta do Manchester City ser o nome inglês no torneio. Shaw, na lateral esquerda, funciona muito bem e dá passes para gols (3 assistências até o momento). media

Do outro lado, a seleção italiana encanta com um futebol coletivo. Sem um nome de destaque na artilharia, a equipe treinada por Roberto Mancini é adepta de um futebol equilibrado e coletivo e vê diversos nomes decidirem: atenção para Insigne, Chiesa e o sempre perigoso Immobile. 

Menos de 2.5 cartões amarelos por time

Segunda equipe que mais comete faltas nas Eurocopa, com 72 infrações nos 6 jogos (média de 12 por partida), a Itália recebeu até o momento 7 cartões amarelos na competição, com média de 1,16 por partida.

Já a Inglaterra é um time menos combativo, com 58 faltas cometidas (média de 9,6 por jogo) e apenas 5 cartões amarelos (0,83 a cada 90 minutos). O duelo, então, deve ser duro e físico, mas limpo e de poucas faltas e com a Itália recebendo mais amarelos.