O Major é o principal torneio de Counter-Strike: Global Offensive (CS:GO), principalmente por reunir as melhores equipes do mundo no torneio oficial da Valve. Realizado desde 2013, já foram realizadas 15 edições do Major e muita história já foi feita, com equipes que já participaram muitas vezes, jogadores que não perderam nenhuma edição e também times dominantes em diversos períodos. Com o PGL Major Stockholm 2021 cada vez mais próximo, veja algumas curiosidades da história dos Majors.

Jogadores e times que mais participaram

Entre os jogadores que mais participaram de Major, 6 deles participaram de todas as 15 edições, entre eles estão:

  • Olof "olofmeister" Kajbjer - 2x LGB eSports, 9x Fnatic e 4x FaZe Clan;
  • Nicolai "dev1ce" Reedtz - 1x Copenhagen Wolves, 3x Dignitas, 3x Team SoloMid (TSM) e 8x Astralis;
  • Peter "dupreeh" Rasmussen - 1x Copenhagen Wolves, 3x Dignitas, 3x TSM e 8x Astralis;
  • Andreas "Xyp9x" Højsleth - 1x Copenhagen Wolves, 3x Dignitas, 3x TSM e 8x Astralis;
  • Danylo Ihorovych "Zeus" Teslenko - 13x Natus Vincere (NAVI) e 2x Gambit Esports
  • Richard "shox" Papillon - 1x VeryGames, 3x Titan, 1x Epsilon Esports, 1x Team LDLC, 1x Team Envy e 8x G2 Esports.

Desses jogadores, apenas Zeus já está aposentado, enquanto os outros 5 jogadores estão na ativa com a dupla dupreeh e Xyp9x na Astralis, olofmeister na FaZe, device na Ninjas In Pyjamas (NIP) e shox na Vitality. Curiosamente, todos os jogadores listados possuem pelo menos um título de Major, mostrando que a persistência realmente compensa, ainda mais no caso de Zeus que “bateu na trave” diversas vezes.

Já entre as equipes, existe apenas uma que participou de praticamente todos os Majors de CS:GO e essa equipe é a Natus Vincere, com três classificações nos primeiros Majors, 11 status Legends e 1 status Challenger ao longo desses 8 anos. A notícia ruim é que a equipe nunca venceu, chegando no 2º lugar três vezes e na 3ª-4ª colocação outras três vezes.

A Fnatic é uma que perdeu apenas uma edição do Major (StarLadder Berlin Major 2019), e segue como a segunda colocada nesse quesito. O time tem três conquistas de Major, com a DreamHack Winter 2013, ESL One: Katowice 2015 e ESL One: Cologne 2015, sendo a segunda equipe com mais títulos na história do CS:GO.

As terceiras em quesito de presença são a Ninjas In Pyjamas e a Virtus.pro, ambas com 12 participações. Além do mesmo número de participações, as duas equipes também possuem 1 título de Major cada, com a Virtus.pro campeã do ESL Major Series One Katowice 2014 e a NIP campeã do ESL One: Cologne 2014.

Entre outros times que costumam aparecer nos Majors estão: Mousesports e Cloud9 com 10 participações, FlipSid3 Tactics e G2 Esports com 9 participações e HellRaisers, Team Liquid, Astralis e FaZe Clan com 8 participações.

Da participação para os títulos

Quando o assunto passa para os títulos, o rumo muda um pouco, já que podemos facilmente lembrar de grandes momentos do CS:GO em que equipes dominaram o cenário, com a Fnatic dominando no começo do competitivo, os brasileiros da SK Gaming/Luminosity dominando no período de 2016 e a dominância da Astralis nos tempos mais recentes. Dessas equipes, entre os jogadores que mais conquistaram títulos estão:

  • 4 títulos - Lukas "gla1ve" Rossander, Andreas "Xyp9x" Højsleth, Peter "dupreeh" Rasmussen e Nicolai "dev1ce" Reedtz;
  • 3 títulos - Emil "Magisk" Reif, Markus "pronax" Wallsten, Jesper "JW" Wecksell e Robin "flusha" Rönnquist;
  • 2 títulos - Olof "olofmeister" Kajbjer, Freddy "KRIMZ" Johansson, Vincent "Happy" Cervoni, Nathan "NBK-" Schmitt, Fabien "kioShiMa" Fiey, Gabriel "FalleN" Toledo, Fernando "fer" Alvarenga, Marcelo "coldzera" David, Lincoln "fnx" Lau e Epitácio "TACO" de Melo.
  • 1 título - 27 jogadores, com destaque para Wiktor "TaZ" Wojtas, Jarosław "pashaBiceps" Jarząbkowski, Patrik "f0rest" Lindberg, Christopher "GeT_RiGhT" Alesund, Richard "shox" Papillon, Kenny "kennyS" Schrub, Abay "Hobbit" Khassenov, Tarik "tarik" Celik e Jacky "Stewie2K" Yip.

Já entre os times, de longe a Astralis foi a que mais venceu Majors, com a primeira vitória no ELEAGUE Major: Atlanta 2017 e depois as três seguidas, com FACEIT Major: London 2018, Intel Extreme Masters XIII - Katowice Major 2019 e StarLadder Berlin Major 2019.

A Fnatic conta com três títulos, sendo o primeiro Major da história com o DreamHack Winter 2013 e depois aplicou uma dobradinha vencendo a ESL One: Katowice 2015 e ESL One: Cologne 2015.

Todas as outras equipes venceram apenas uma vez o Major. No entanto, vale destacar que os brasileiros FalleN, fer, coldzera, fnx e TACO venceram duas vezes consecutivas, mas por times diferentes. A primeira foi pela Luminosity no MLG Major Championship: Columbus 2016 e depois na ESL One: Cologne 2016 pela SK Gaming, que adquiriu a lineup brasileira no intervalo de tempo.

Levando isso em consideração, os jogadores Happy, NBK- e kioShiMa também fazem parte de um “core” com dois títulos, em que venceram pela Team LDLC no DreamHack Winter 2014 e pela Team Envy na DreamHack Open Cluj-Napoca 2015. Os seus outros companheiros dessas equipes possuem apenas um título, sendo Richard "shox" Papillon e Edouard "SmithZz" Dubourdeaux na LDLC e kennyS e Dan "apEX" Madesclaire na Team Envy.

O próximo Major

O PGL Major Stockholm 2021 será o próximo Major do calendário competitivo, marcando o retorno após quase 2 anos sem o torneio. O início será em 26 de outubro e terminará em 7 de novembro, sendo em LAN e com público, porém apenas para a fase dos Playoffs, com as oito melhores equipes do torneio. A premiação será de US$ 2 milhões, além do bônus para as equipes a partir da venda de stickers dos participantes e também os passes do Major – que os jogadores compram no CS:GO para receber recompensas e caixas “Lembrança” das partidas.

Não perca o principal torneio do calendário competitivo de Counter-Strike e acompanhe o seu time predileto nessa disputa. Lembre-se de ver o histórico das equipes para fazer suas apostas online no CS:GO.