Em League of Legends (LoL) os jogadores disputam tradicionalmente em três rotas tradicionais e a selva. A bot lane, ou rota inferior, é uma das mais importantes no jogo, principalmente por ser onde está o atirador, que será uma das fontes primárias de dano, e o suporte, que defende o time e pode executar diversas funções na partida.

Para entender como impactar mais durante o começo do jogo, entenda como funciona a dinâmica da bot lane, como e quando o suporte pode fazer roaming e como o atirador deve se comportar enquanto está sozinho em rota.

Os conceitos básicos de roaming

O roaming é quando um jogador sai de sua rota tradicional para tentar fazer uma jogada de impacto em outras rotas. O roaming era muito mais comum quando feitos pelos jogadores do meio, porém, com a evolução do jogo, os suportes começaram a fazer isso com mais frequência, visto que além de conseguir uma vantagem em outra rota, o atirador poderá conseguir experiência sozinho, chegando no pico de força mais rápido em campeões de impacto por nível, como Sivir, Jhin, Tristana e Ezreal.

Além disso, existem suportes atualmente com muita mobilidade, conseguindo andar rápido pelo mapa e auxiliar o caçador, rota do meio ou até mesmo do topo. Em casos de suportes sem mobilidade, ainda existe a runa “Caminhar sobre as águas” que aumenta a velocidade de movimento no rio para compensar.

Quando o suporte pode sair?

Tudo depende de como está a situação da rota, não apenas de sua rota, mas também que você irá tentar o roaming – meio, caçador e topo. A mais fácil é a do meio, já que é a mais próxima e pode ter também a influência do caçador, enquanto o topo é a mais distante e precisa de mais preparação e o caçador é algo mais ocasional.

Para avançar no meio é importante ter preparação da visão da selva ao redor da rota inferior, para evitar dar de cara com o caçador inimigo, o time inimigo não ter uma composição de dive na rota inferior, como Alistar, Leona ou Braum com um atirador de early game, como Ezreal e Draven, e o oponente estiver com um campeão de pressão no meio. Esse é o cenário ideal, mas ainda é possível fazer caso tenha um bom controle de visão.

O mais importante é o timing do seu campeão, em que ele precisa ter uma habilidade de Controle de Grupo (em inglês, Crowd Control ou CC) disponível, sua rota precisa estar controlada na onda de minions (veja aqui mais sobre wave control), pois o seu atirador precisa bater com a onda de minions na torre inimiga para ele poder recuar. É importante se comunicar com o jogador do meio, para saber onde tem sentinelas para fazer o melhor caminho e tentar o roaming.

Já para a rota do topo, o ideal é sempre tentar logo após voltar para a base, quando você e o atirador resetam a rota. Ao invés de ir para o bot, como normalmente fazem, vá para o topo pela selva, aproveite para fazer controle de visão e tente uma ofensiva contra o oponente. Comunique-se com o topo, pois ele precisa ajudar a planejar o cenário e não pressionar tanto o oponente para ele ter um caminho mais longo até a torre.

Quando a situação é com o caçador já é mais complexo, pois existem diversas situações em que o suporte pode fazer o roaming, seja para contestar Aronguejo, visão de Dragão, contestar buffs ou defender o seu caçador. Nesse tipo de situação, prestar atenção no mapa e comunicar-se com o seu aliado é a melhor forma, seja por pings ou mesmo texto no chat.

Pelo League of Legends ter uma grande variedade de campeões, jogadores e estilos, é difícil ter uma estratégia fixa, mas esses primeiros passos ajudam a entender o cenário do jogo e como agir em situações diversas. Para começar, uma dica é tentar com campeões de maior mobilidade e fácil execução, como:

  • Karma: aplica lentidão de longe com o combo de R+Q;
  • Leona: muito controle de grupo, ganhando mais valor no level 6;
  • Morgana: consegue prender o inimigo de muito longe com o Q;
  • Blitzcrank: se acertar o puxão o inimigo terá que gastar pelo menos um Flash para sair;
  • Bardo: o melhor suporte para fazer roaming por ter mobilidade alta e stun, porém é um dos mais difíceis de executar.

Como o atirador deve se comportar sozinho em rota ?

A situação para o atirador é bem mais complexa, pois ele terá que lidar com uma situação de desvantagem de 1 vs 2, isso quando o caçador inimigo não compensa o abate no topo ou meio para fazer um dive 1 vs 3 em você. Em todos os casos, é interessante saber como está o matchup com o inimigo, a visão de mapa, o quão forte você está e também se o time tem Teleportar disponível.

Quando o suporte vai fazer roaming após a wave colidir com a torre, o mais interessante é resetar para pegar itens na loja ou, caso não tenha ouro suficiente, ir com o suporte na rota para lutar e garantir mais chances de abate.

Se você voltou para comprar itens, veja como está o mapa e a localização do caçador inimigo, pois se ele estiver na fog (onde você não tem visão), é possível que ele também esteja planejando uma ofensiva e é melhor esperar na Torre 2 (T2) da rota. Mas se a rota inferior também voltou para base e não está batendo na torre, apenas os minions, é seguro ir farmar e não avançar a rota, se mantendo na torre até o suporte voltar. Essa situação se encaixa sempre quando o seu suporte não está próximo, então se você viu o caçador inimigo indo em sua direção, é sempre uma boa ideia tentar recuar se der tempo, caso contrário, se a morte estiver próxima, é melhor tentar levar um inimigo junto.

O quão forte você está como atirador é importante, pois alguns são capazes de manter pressão até mesmo debaixo da torre se estiverem muitos feedados, com 1 item de diferença por exemplo. Alguns campeões que sobrevivem bem enquanto o suporte faz roaming são:

  • Ezreal: tem um bom kit de habilidades com baixo tempo de recarda com grande alcance. Consegue dominar a rota se fechar o Ruptor Celestial antes do 1º item do oponente;
  • Caitlyn: maior alcance entre os atiradores, com vantagem consegue pressionar usando da distância máxima;
  • Lucian: grande mobilidade para punir o erro do oponente e farmar sob pressão;
  • Miss Fortune: habilidades de longo alcance e em área para limpeza da rota;
  • Draven: apenas se pegar algumas eliminações de começo, cria pressão de abate mesmo sem a presença do suporte.

O League of Legends é um jogo bem diverso e com grandes opções táticas, comunicar-se corretamente com sua equipe, sinalizar e controlar a visão são alguns dos principais pontos para evoluir e executar com precisão as estratégias. Então utilize seus pings com sabedoria, coloque sentinelas no mapa e teste suas estratégias jogando com os amigos.

Pratique e entenda melhor como funcionam as dinâmicas das estratégias em League of Legends. Com mais conhecimento, aproveite para visitar nossa página e fazer suas apostas em LoL.