Se há uma lição a ser aprendida com os resultados do jogador que mais evoluiu da última temporada, é esta: Os jurados não se importam se um jogador deixar um time bom, assinar com um time ruim e dobrar suas estatísticas por jogar mais tempo.

Jerami Grant nos ensinou esta lição na última temporada depois que ele deixou o ótimo Denver Nuggets, assinou com o nem tão bom Detroit Pistons, e colocou um monte de estatísticas robustas para um time que terminou em último lugar na Conferência Leste com uma campanha de 20-52. Mas para você não precisar saber disso de cabeça, nós separamos toda informação para os seus palpites na NBA.

O Grant passou de uma média de 12,0 pontos e 47,8% de conversão em Denver para uma média de 22,3 pontos por jogo em 42,9% de acerto em Detroit. E enquanto esta queda na porcentagem de arremessos certos vai na contramão da sua “melhora”, Grant recebeu dois votos no primeiro lugar, 33 votos no segundo e 31 votos no terceiro lugar na votação por um painel de escritores e emissoras que cobrem a NBA regularmente.

Christian Wood dos Houston Rockets, que terminou em quarto lugar, foi um dos favoritos durante toda a temporada por causa dos números que ele estava conseguindo com os Rockets, que estavam passando por suas derrotas pós-Harden e não ganhando todos esses jogos. Ainda assim, os 21,0 pontos e os 9,6 rebotes de Wood enquanto jogava por seu sexto time em seis temporadas foram suficientes para lhe garantir 10 votos para o segundo lugar e 16 votos para o terceiro lugar.

Por isso, vale a pena lembrar que ao olhar os candidatos a Jogador Que Mais Evoluiu deste ano, uma categoria que pode valer muito a pena nas apostas de longo prazo, já que oferece odds com excelente valor.

Mesmo o favorito deste ano, Michael Porter Jr. do Denver Nuggets (que terminou em terceiro lugar na última temporada) está na lista com odds de 10.0, um clique acima de Kevin Porter Jr. do Houston. Há uma série de candidatos dignos na faixa de 21.0 a 26.0.

Portanto, vamos dar uma olhada nas principais opções:

Michael Porter Jr., Nuggets : Houve um ponto na última temporada, logo após Jamal Murray ter sido eliminado, quando as odds de Porter receber este prêmio diminuíram de 126.0 para 21.0 em pouco menos de 72 horas. Esse jogador estava em de cadeira de rodas há quatro anos, quando Denver arriscou, sabendo que ele precisaria de uma segunda grande cirurgia nas costas.

Porter teve quatro jogos de 30 pontos entre os 12 jogos finais do Nuggets. Ele precisará melhorar sua média de pontuação em pelo menos cinco pontos em relação aos 19,0 do ano passado para vencer.

Kevin Porter Jr., Rockets : O ala-armador de 21 anos teve um jogo de 50 pontos em uma vitória sobre o Bucks no final da temporada, e jogos de 50 pontos tendem a chamar a atenção dos jurados.

Enquanto Porter Jr. tem tantas chances quanto qualquer um de ganhar este prêmio, tenha em mente que as casas de apostas tendem a identificar um favorito no início da temporada após cerca de 10 jogos e manter esse jogador como favorito durante a maior parte do ano. Foi o que aconteceu no ano passado com o Wood. Isso deixará alguém digno com probabilidades muito mais altas do que seria apropriado.

Jordan Poole, Warriors : O jogador de 22 anos teve um mês estelar em maio para o Dubs, enquanto eles não conseguiram chegar aos playoffs, e ele tem começado de titular durante a pré-temporada, enquanto Klay Thompson lentamente volta para às quadras. O que importa aqui é se Poole pode manter a produção vindo do banco em janeiro, após o retorno de Thompson. Ele obteve média de apenas 12,0 pontos na última temporada.

Collin Sexton, Cavaliers : Formando uma das duplas de armadores mais rápidas do Leste, Sexton não parece ser um candidato forte simplesmente pelo fato de ter alcançado uma média de 24,3 pontos por jogo na última temporada. Na verdade, parece que ele chegou ao seu limite máximo.

Jaren Jackson Jr., Grizzlies : JJJ teve uma queda significativa na última temporada depois de ter perdido metade do ano se recuperando de uma lesão no joelho, e há espaço para uma melhora notável em suas médias de 2020-21 de 14,4 pontos e 5,6 rebotes, especialmente com Jackson começando como ala pivô e sendo um pontuador consistente agora que Jonas Valanciunas foi trocado. Esta é uma boa escolha em odds de 17.0.

Shai Gilgeous-Alexander, Thunder : Outros estão listando este cara como o favorito depois que ele assinou uma prorrogação máxima do contrato na offseason com Oklahoma City, onde ele foi passou a segunda metade da temporada passada se recuperando de lesão na fáscia plantar. Ele estava marcando 23,7 pontos e chutando quase 51%, e esses números serão difíceis de serem melhorados.

Zion Williamson, Pelicans : Ele começou a pré-temporada se recuperando de um pé quebrado, o que realmente não quer dizer muito. O que importa para nossos propósitos é se ele pode colocar números maiores que os 27,0 pontos e 7,2 rebotes que ele obteve na temporada passada para uma equipe de 31 vitórias como o Pelicans. O palpite aqui é "Não, ele não pode", e isso significa economizar seu dinheiro.

Christian Wood, Rockets, De'Aaron Fox, Kings e Darius Garland, Cavs : Fox obteve uma média de 25,2 pontos, e é difícil vê-lo melhorar com isso. Wood é o que ele é, e será uma conquista se ele passar uma segunda temporada com um mesmo time. Garland teve uma média de 17,4 pontos e 6,1 assistências, números que ele poderia ultrapassar... na Filadélfia se ele for trocado por Ben Simmons.

Entre os jogadores com odds de estão Zach LaVine, Tyrese Haliburton, Jaylen Brown, Derrick White e Domantas Sabonis, todos eles podem estar em jogo para este prêmio, com Sabonis como o melhor candidato ao prêmio, pois ele tem os triplos duplos do seu lado. Brown tem sido o cestinha da NBA nesta pré-temporada.

O.G. Anunoby do Toronto Raptors é o único jogador listado em pela Betway. Isso não é uma má escolha, com muitos analistas dizendo que ele deveria ter uma temporada de sucesso com os Raptors, agora sem Kyle Lowry. Ele teve uma média de 15,9 pontos e 5,5 rebotes, e se você me obrigasse a escolher uma, então eu diria O.G. e/ou JJJ.

Terence Mann , que tomará o lugar de Kawhi Leonard na rotação, merece consideração. Assim como Seth Curry do Philadelphia, que deve ter mais chances de arremesso em um ataque não focado no Simmons.

E aí, você vai seguir nossas dicas ou vai escolher outro jogador da lista? Odds completas na nossa página de apostas na NBA.